contato@sindesep.org.br(83) 3221-5350

Comunicado aos Empregados Vinculados ao SINDESEP-PB

Gostaríamos de informar a todos sobre importantes desenvolvimentos em nossa busca por um piso salarial justo.

11/10/2023 15h31 681

Prezados colegas e associados do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde da Paraíba (SINDESEP-PB), gostaríamos de informar a todos vocês sobre importantes desenvolvimentos em nossa contínua busca por um piso salarial justo para todos os trabalhadores dos estabelecimentos de saúde privada na Paraíba.

A luta pela implantação de um piso salarial digno para todos os trabalhadores dos estabelecimentos de saúde privada na Paraíba é uma causa antiga e deve, sem dúvida, continuar. Nós, como sindicato, estamos empenhados em garantir melhores condições para todos os nossos associados. Mas as negociações com o setor empresarial estão difíceis.

Os técnicos de enfermagem, auxiliares de enfermagem e parteiras conquistaram o piso salarial através da Lei 14.434 de 2022. De acordo com decisão do supremo tribunal federal, a aplicação do piso salarial para essas categorias no setor privado foi estabelecida para o dia 12 de setembro de 2023. Comemoramos essa conquista e dela não abriremos mão.

Até o último dia de prazo estabelecido pelo Supremo Tribunal Federal (STF), ou seja, 12 de setembro de 2023, o SINDESEP-PB buscou ativamente negociar formas de pagamento com os empregadores. Infelizmente, não encontramos propostas sinceras e realistas por parte das empresas.

O piso salarial para técnicos de enfermagem, auxiliares de enfermagem e parteiras já é uma realidade. As empresas estão em dívida, e o sindicato está empenhado em garantir o recebimento do piso, inclusive com efeito retroativo a partir de 12 de setembro de 2023.

Quanto aos demais profissionais da saúde privada, é importante destacar que a conquista do piso salarial é uma perspectiva que continua em nossas negociações com o setor empresarial. Os técnicos de enfermagem, auxiliares de enfermagem e parteiras da rede privada receberão o piso salarial retroativo a setembro. As empresas que não efetuaram os pagamentos no prazo determinado devem realizar uma folha de pagamento complementar de forma urgente. Caso isso não seja cumprido, tomaremos as medidas necessárias, inclusive buscando a via judicial.

Quanto aos demais profissionais da saúde privada, neste momento, só podemos dizer que as negociações e a luta continuam. Continuaremos a trabalhar incansavelmente para garantir que todos os trabalhadores deste setor recebam um salário justo e digno.

A Diretoria do SINDESEP-PB agradece a todos os associados pela compreensão e apoio contínuo nesta jornada. Continuaremos unidos em nossa luta por melhores condições de trabalho e justiça salarial.

Atenciosamente,
DIRETORIA DO SINDESEP-PB

11/10/2023 15h31 681