contato@sindesep.org.br(83) 3262-0222

Acordo entre SINDESEP e Cruz Vermelha beneficia mais de 1 mil empregados do Trauma

Os outros funcionários que ainda não compareceram para  fazerem o  acordo podem procurar a Justiça, pois o dinheiro para o pagamento está resguardado”, garantiu  o presidente do Sindesep.

12/12/2019 19h20 147

Um acordo  entre  o Sindicato dos Trabalhadores da Saúde no Estado da Paraíba (SINDESEP-PB) e a Cruz Vermelha, que administrava o Hospital de Trauma de João Pessoa,  vai beneficiar 1, 1 mil empregados  que vão receber cerca de R$ 2 milhões referente ao pagamento de salários.

De acordo com o presidente do SINDESEP-PB, Roberto de Andrade Leôncio, as tratativas foram mediadas pelo vice-presidente e corregedor do TRT13, Desembargador Leonardo Trajano. Os valores para a quitação do acordo são de R$ 1.156.500,74, destinados a ex-funcionários da Cruz Vermelha, devidamente individualizados, com contas bancárias identificadas e onde serão feitos os depósitos das indenizações.  “Os outros funcionários que ainda não compareceram para  fazerem o  acordo podem procurar a Justiça, pois o dinheiro para o pagamento está resguardado”, garantiu  o presidente do Sindesep.

“A conciliação realizada ressalta a vocação das partes e da Justiça do Trabalho em pacificar os conflitos nas relações de trabalho e a diretoria do Sindesep, continuará atenta e atuante no sentido de garantir que os direitos dos trabalhadores sejam respeitados”,  comentou Roberto Leôncio.

De acordo com um dos advogados do sindicato,  Kaio Cordeiro, ficou resguardado o bloqueio de pouco mais de  RS 400 mil para pagamento de demandas trabalhistas diversas, “uma vez que era impensável que este valor retornasse para a Organização Social enquanto outras demandas trabalhistas tramitam no Estado”, completou o advogado.

O Vice Presidente do TRT13,  Leonardo Trajano, destacou a inovação no acordo em resguardar o crédito para outros processos, o empenho de todos, inclusive dos trabalhadores que compareceram na assembleia, e o homologou sem ressalvas.

12/12/2019 19h20 147