contato@sindesep.org.br(83) 3221-5350

Dose de reforço da vacina contra a Covid-19 deve ser aplicada em João Pessoa após 20 de setembro

Ministério da Saúde anunciou que a dose de reforço da vacina contra a Covid-19 será oferecida no Brasil com data de envio aos estados a partir de 15 de setembro.

08/09/2021 12h46 143

Foto: Breno Esaki/Agência Saúde DF

A dose de reforço da vacina contra a Covid-19 deve ser aplicada em João Pessoa após o dia 20 de setembro, de acordo com o secretário municipal de saúde de João Pessoa, Fábio Rocha. Nesta quarta-feira (25), o Ministério da Saúde anunciou que a dose será oferecida no Brasil com data de envio aos estados a partir de 15 de setembro.

Ainda conforme informações do secretário Fábio Rocha, na capital, a vacinação com a dose de reforço vai seguir a orientação do Ministério da Saúde, priorizando idosos que completaram o esquema vacinal há mais de seis meses, imunossuprimidos, após 28 dias após a segunda dose, e, no caso de João Pessoa, os trabalhadores da saúde também serão priorizados.

A imunização deverá ser feita, em João Pessoa, para quem tomou doses de qualquer um dos fabricantes. Inclusive, podendo ocorrer uma vacinação com dose diferente das duas primeiras recebidas.

A secretaria estadual de Saúde ainda não se posicionou sobre a data.

Orientações do Ministério da Saúde

Segundo orientações do Ministério da Saúde, os pacientes “imunossuprimidos” incluem por exemplo, pessoas com câncer, pessoas vivendo com HIV, transplantados e outros com o sistema imune fragilizado, o que deixa o paciente mais suscetíveis a infecções.

A pasta informou que a imunização deverá ser feita, preferencialmente, com uma dose da Pfizer, ou de maneira alternativa, com a vacina de vetor viral da Janssen ou da AstraZeneca.

O ministério também disse que o intervalo entre as doses da Pfizer e da AstraZeneca será reduzido a partir de setembro: passará de 12 semanas para 8 semanas.

  • Data de início: doses devem ser enviadas aos estados a partir de 15 de setembro
  • Público-alvo: idosos com mais de 70 anos e pessoas com baixa imunidade (imunossuprimidos)
  • Vacinas: preferencialmente Pfizer, mas também poderão ser utilizadas a vacina da AstraZeneca e Janssen

Fonte: G1 PB

08/09/2021 12h46 143